ESPOSA DE UM DEPENDENTE

CHRIS      
      
"Sou casada com um dependente de crack. A muito tempo sou a coisa mais insignificante na vida dele. Já procurei todas as formas de ajudá-lo, mas nada posso na minha condição de espectadora de sua ruína. Queria continuar a procurar formas de ajudá-lo, mas ele ainda não se convenceu que precisa de ajuda. Já recebi conselhos diversos para deixá-lo, mas não consigo abandonar meus votos de casamento sabendo de todo o mal que tenho enfrentado. Lembro de quando ele não tinha o vício, e me apego a lembranças de um homem que me amava e planejava um futuro comigo, sempre tão gentil , amoroso e compreensivo. Sinto-me como uma viúva de um homem vivo. As pessoas que lidam com dependentes morrem com eles. Sofrem sem saber se estão perdendo suas vidas também. Tenho sonho de ter filhos, mas como pensar em filhos com um marido nestas condições. Choro e peço muito a Deus que me oriente, que me dê forças para aguentar este fardo tão cruel. Penso muitas vezes em desistir, mas como seguir a estrada e deixar quem vc ama pra trás. Toda a minha vida e meus planos estão ameaçados pelo um vício que atingiu meu marido. O que fazer? Como esposa que já fez de tudo, o que mais tentar, onde se apegar? Sou religiosa e temente a Deus e tenho orado e pedido, mas como acabar com este sofrimento, lidando com alguém que não tem consciência mais sobre as circunstancias dos seus atos? Abandonar o barco, seria esta a solução para o meu sofrimento? Até quando devemos nos sacrificar pelo parceiro?"

Associação Comunidade Vida Nova
Há 30 anos nasceu Comunidade Vida Nova com o objetivo de salvar vidas. Nestes longos anos, já passaram por esta casa que é chamada “O Santuário da Sobriedade” centenas de Padres diocesanos, religiosos, religiosas, irmãos consagrados e leigos indicados por
R. Des. Octávio do Amaral, 1929 - Mercês - Curitiba / PR - CEP: 80710-620 (41) 3335.8991