O SILÊNCIO DE ALMAS SÓBRIAS E SANAS - Pe. Aurélio

Lembre-se: o silêncio do sóbrio mantêm os segredos, portanto, o som mais doce é o som do silêncio. A sobriedade é a canção da alma. Alguns escutam o silêncio na oração, outros cantam a canção em seu trabalho, alguns procuram os segredos na contemplação tranqüila e sana. Quando se alcança a sobriedade e a sanidade, os sons do mundo se apagam, as distrações se aquietam. Toda a vida se transforma em meditação. A quietude nos traz a Paz, a paz de Espírito! Tudo na vida é uma meditação na qual se pode contemplar o Divino, e vivendo dessa forma, aprendemos que tudo na vida é bênção, mas só aprenderemos a apreciar isso na plena posse de nossos sentidos! Já não há luta, nem dor, nem preocupação. Só há experiência. Respira em cada flor, voa com cada pássaro, encontra beleza e sabedoria em tudo, já que a sabedoria está em todos os lugares onde se forma a beleza, mas só quando libertos da embriaguez mórbida, podemos usufruir dessa sabedoria. E a beleza se forma em todas as partes, não há que procurá-la, porque ela virá a ti. Quando ages nesse estado sóbrio, transformas tudo o que fazes numa meditação, e assim, num dom, num oferecimento de ti para tua alma e de tua alma para Teu Deus, e Todo o cosmo. Ao lavar os pratos, desfruta do frescor da água que acaricia tuas mãos. Ao preparar a ceia sinta o amor do universo que te trouxe esse alimento e, como um presente teu ao preparar essa comida, derrama nela todo o amor de teu ser. Pois o ingrediente mais importante em uma receita, é o AMOR. Ao respirar, respira longa e profundamente, o oxigênio é graça de Deus, respira lenta e suavemente, respira a suave fragância das flores de laranjeira na primavera, e a doce simplicidade da vida, tão plena de energia, tão plena de amor. É amor de Deus que estás respirando. …Respira profundamente e poderás senti-lo, é o hálito de Deus teu Pai. Respira muito, muito profundamente e o amor te fará chorar... chorar de alegria! Porque conheceste teu Deus e teu Deus te presenteou com tua alma. Faz da tua vida e de todos os acontecimentos uma meditação, esqueça o passado de sofrimentos, viva somente um dia de cada vez. Caminha na vigília, não adormecido. Move-te com a perfeição, não sem ela e não te detenhas na dúvida nem no temor, tampouco na culpa do tempo da ativa, ou na auto-recriminação. Viva no esplendor permanente, com a certeza de que és muito amado. Sempre és Um com Deus e com os irmãos, Sempre és bem-vindo à casa do Pai! Porque teu lar é o coração de Deus, vales o sangue do Senhor! Somos tudo o que somos, tudo o que fomos e tudo o que seremos. Muitas 24 Horas de feliz sobriedade!

Associação Comunidade Vida Nova
Há 30 anos nasceu Comunidade Vida Nova com o objetivo de salvar vidas. Nestes longos anos, já passaram por esta casa que é chamada “O Santuário da Sobriedade” centenas de Padres diocesanos, religiosos, religiosas, irmãos consagrados e leigos indicados por
R. Des. Octávio do Amaral, 1929 - Mercês - Curitiba / PR - CEP: 80710-620 (41) 3335.8991